"Às vezes acho que nasci na década errada. Tenho princípios que já se perderam e amo coisas que já não se dá mais valor." Amor é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói, e não se sente; é um contentamento descontente, é dor que desatina sem doer. É um não querer mais que bem querer; é um andar solitário entre a gente; é nunca contentar-se de contente; é um cuidar que ganha em se perder. É querer estar preso por vontade; é servir a quem vence, o vencedor; é ter com quem nos mata, lealdade. Mas como pode causar a seu favor nos corações humanos a amizade, se tão contrário a si mesmo é o Amor?

Home Profile Tumblr Ask me Forms Orkut

Apenas um tempo sozinho, é disso que eu preciso, afinal de que adianta fazer amizades, de que adianta se aproximar de alguém, sendo que no final todos eles acabam me esquecendo de alguma forma. Onde estão aquelas pessoas que diziam ser meus amigos? O tempo os levou, deixando em mim um vazio imenso. Talvez seja hora de mudanças, é hora de seguir uma nova direção, mas seria possível viver para si próprio? Isso eu desconheço, mas irei descobrir. Afinal, o que seria da vida sem nem uma decepção? Pode parecer estranho, mas elas te fizeram crescer. Por mais que você não entenda, aquelas noites chorando baixinho te ensinaram algo. Vou ser feliz, me entende? Eu sei que eu vou me apaixonar novamente, vou me apegar, vou chorar, vou sofrer. Mais um dia vai chegar alguém que vai me aceitar, com meus defeitos, com a minha mania de reciprocidade. Enquanto nada fizer sentido eu continuo nessa minha monotonia diária. Porque a felicidade não tem hora exata pra chegar, ela simplesmente acontece.

Em busca da felicidade.  Adaptavel e In-significativo (via adaptavel)

(via inevavel)


Quote postado em 13/11/2012 às 3:42pm | 1,798 notes | (reblogue this!)

Existem sentimentos que duram, mesmo depois do fim.

Renato Russo    (via apenasumadolescente)

(Source: principedeareia, via apenasumadolescente)


Quote postado em 13/11/2012 às 3:41pm | 47,618 notes | (reblogue this!)

Part of me: Eu percebi que as pessoas andam tão desanimadas quanto ao amor; então...

mymindfearless:

Eu percebi que as pessoas andam tão desanimadas quanto ao amor; então eu vim escrever um pouco porque né. Bom a ideia principal é: Não desistam do amor! Só porque você teve um relacionamento complicado, ou porque você gostou muito de alguém e esse alguém não dava a miníma pra você, ou até porque…

(via infinitas-entrelinhas)


Link postado em 12/10/2012 às 7:54pm | 5 notes | (reblogue this!)
carlidd:

Quando tá tudo indo bem, eu sempre tenho a sensação de que alguma coisa, no fundo, tá muito errada. Sei lá, é como se um relacionamento saudável fosse impossível no meio dessa merda toda, e quando eu não posso ver os erros, eu fico com essa certeza de que estou sendo enganada. E fico procurando, investigando, revirando o mundo pra encontrar os vacilos, mentiras, motivos pra terminar. Percebe a loucura? É como se ninguém pudesse me amar e ponto, de tanto colarem o adesivo de ‘trouxa’ na minha testa, qualquer carinho me parece suspeito. Percebe a tortura? Fico oscilando entre confiar e desconfiar, querendo viver uma história leve e sempre me afundando nas minhas neuroses e cicatrizes. E homem nenhum aguenta isso, homem nenhum percorre meu labirinto até o fim. Mas como eu poderia me entregar, sem antes saber se posso ir inteira? Como posso confiar de novo, sem saber se vai ser realmente diferente? Quero alguém que rompa meus lacres, não que me lacre mais! E sigo estragando tudo, só pra não ficar pior depois. Quando eles finalmente se cansam e caem fora porque eu sou louca de pedra, eu fico satisfeita. Volto pra fossa por um tempo, sem mistérios, já conheço bem o lugar e a porta de saída. E penso “Viu, sabia que eu tava certa”. Talvez eu até esteja errada, mas que se dane. Se uma pessoa não tem paciência nem pra conquistar minha confiança e afastar meus medos, o que eu posso esperar então? Sou quebra-cabeça de 500 mil peças, quem não tiver capacidade, tenta um jogo mais fácil. Eu supero e agradeço.

carlidd:

Quando tá tudo indo bem, eu sempre tenho a sensação de que alguma coisa, no fundo, tá muito errada. Sei lá, é como se um relacionamento saudável fosse impossível no meio dessa merda toda, e quando eu não posso ver os erros, eu fico com essa certeza de que estou sendo enganada. E fico procurando, investigando, revirando o mundo pra encontrar os vacilos, mentiras, motivos pra terminar. Percebe a loucura? É como se ninguém pudesse me amar e ponto, de tanto colarem o adesivo de ‘trouxa’ na minha testa, qualquer carinho me parece suspeito. Percebe a tortura? Fico oscilando entre confiar e desconfiar, querendo viver uma história leve e sempre me afundando nas minhas neuroses e cicatrizes. E homem nenhum aguenta isso, homem nenhum percorre meu labirinto até o fim. Mas como eu poderia me entregar, sem antes saber se posso ir inteira? Como posso confiar de novo, sem saber se vai ser realmente diferente? Quero alguém que rompa meus lacres, não que me lacre mais! E sigo estragando tudo, só pra não ficar pior depois. Quando eles finalmente se cansam e caem fora porque eu sou louca de pedra, eu fico satisfeita. Volto pra fossa por um tempo, sem mistérios, já conheço bem o lugar e a porta de saída. E penso “Viu, sabia que eu tava certa”. Talvez eu até esteja errada, mas que se dane. Se uma pessoa não tem paciência nem pra conquistar minha confiança e afastar meus medos, o que eu posso esperar então? Sou quebra-cabeça de 500 mil peças, quem não tiver capacidade, tenta um jogo mais fácil. Eu supero e agradeço.


Photo postado em 12/10/2012 às 7:54pm | 3 notes | (reblogue this!)

Part of me: Ultimamente eu andei pensando na minha vida, nas minhas atitudes, em...

mymindfearless:

Ultimamente eu andei pensando na minha vida, nas minhas atitudes, em como eu agia em varias situações, e sabe foi complicado chegar a conclusão de que eu tenho tido atitudes erradas, ninguém gosta de admitir que está errado não é?! Mas eu precisava rever meus conceitos e na boa que merda eu to…

(via infinitas-entrelinhas)


Link postado em 12/10/2012 às 7:54pm | 5 notes | (reblogue this!)

mymindfearless:

Como ser corajosa, como posso amar quando tenho medo de me apaixonar?!
Mas ao ver você toda a minha dúvida de repente se vai de alguma maneira, o tempo fica parado há beleza em tudo que ele é, terei coragem, não deixarei nada levar embora o que está na minha frente. Cada suspiro, cada momento trouxe a isso, o  tempo todo eu acreditei que te encontraria e o tempo trouxe o seu coração ao meu!





(via infinitas-entrelinhas)

Texto postado em 12/10/2012 às 7:54pm | 5 notes | (reblogue this!)

Part of me: Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade, ele...

mymindfearless:

Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade, ele me disse essa verdade..
O amor é mais sensível, a amizade mais segura. O amor nos da asas, a amizade o chão. No amor há mais carinho, na amizade compreensão. O amor é plantado e com carinho cultivado,a amizade vem faceira, e…

(via infinitas-entrelinhas)


Link postado em 12/10/2012 às 7:54pm | 5 notes | (reblogue this!)


Photo postado em 4/09/2012 às 6:29pm | 157,930 notes | (reblogue this!)


Photo postado em 4/09/2012 às 6:29pm | 120,979 notes | (reblogue this!)


Vídeo postado em 4/09/2012 às 6:22pm | 46,837 notes | (reblogue this!)

Era assustador porque, a pessoa que me tirava lágrimas, era a mesma que arrancava sorrisos.

in-perfeito.  (via in-perfeito)

(Source: IN-PERFEITO, via desvaneceras)


Quote postado em 4/09/2012 às 6:22pm | 48,833 notes | (reblogue this!)


Photo postado em 4/09/2012 às 6:21pm | 8,380 notes | (reblogue this!)
mararayssaa:
Adorei aqui e essa musica é perfeita muito linda você tem bom gosto parabéns

Onnwt *-*, obrigada :D .. o seu tumblr também é muito lindo :3


Mensagem postada em 2/09/2012 às 1:59pm | 0 notes
E lá vai eu, achar mais uma vez que vai ser diferente, talvez seja mesmo.
Vivo me perguntando como é a vida de verdade, ou o que as pessoas pensam. As noites que eu ficava acordada, imaginando uma vida inteira ao seu lado, eu tinha certeza que não iria me arrepender dos sonhos, das fantasias, da vida ou de você.
Me pegava imaginando, nós morando em París, você acordava 20 minutos mais cedo que eu, pra preparar o melhor café da manha. Me acordava com um beijo e dizia que eu era linda. Me entregava uma rosa e pedia pra Deus iluminar o meu dia de trabalho. Me sorria com aqueles lábios canudos e dentes branquinhos, só pra eu ficar cada dia mais apaixonada por você.
Íamos pro trabalho juntos, você me levava, pois tinha medo que eu andasse sozinha, me dava um selinho e tomava o rumo de seu serviço. Na hora do almoço, trazia a minha comida preferida, e falava que adorava almoçar comigo. Quando escurecia, e chegávamos em casa cansados, tomávamos aquele banho relaxante, e você me fazia aquela massagem que só você sabia.
Você pedia pra fazer o jantar, mas eu queria que você comesse a minha comida, mas sempre me ganhava com o eterno carinho de um homem perfeito. Depois assistíamos a um filme até cair no sono, ou quando estávamos sem sono, ficávamos conversando sobre a vida. Contando cada estrela do céu, e dizendo que meus olhos brilhavam como cada uma delas. Me fazia sentir uma paz interior, e falava que queria passar o resto da vida comigo.
No dia seguinte, pagava todas as contas e me levava pra um passeio especial. Eu dizia que não podia ir, pois tinha muito trabalho no escritório, mas eu mal sabia que você já tinha conversado com o meu chefe e preparado a minha semana de férias. Fomos a praia, brincávamos de pega-pega, riamos muito e consegui ver o mar pela primeira vez, você sorria com os olhos cheios de lagrimas. Dizia que eu fui o seu melhor presente, e me abraçava com aquela vontade de não soltar nunca mais.
Eu falava que você era a melhor pessoa do mundo, e você se emocionava. Você me completava, me dava segurança, era meu companheiro, meu melhor amigo, meu amante, meu confidente, a minha outra metade, parte de mim. Mas por razões que eu não sei quais são, você preferiu ser a saudade, a solidão, a lembrança, a dor, a lagrima, e a tristeza.

E lá vai eu, achar mais uma vez que vai ser diferente, talvez seja mesmo.

Vivo me perguntando como é a vida de verdade, ou o que as pessoas pensam. As noites que eu ficava acordada, imaginando uma vida inteira ao seu lado, eu tinha certeza que não iria me arrepender dos sonhos, das fantasias, da vida ou de você.

Me pegava imaginando, nós morando em París, você acordava 20 minutos mais cedo que eu, pra preparar o melhor café da manha. Me acordava com um beijo e dizia que eu era linda. Me entregava uma rosa e pedia pra Deus iluminar o meu dia de trabalho. Me sorria com aqueles lábios canudos e dentes branquinhos, só pra eu ficar cada dia mais apaixonada por você.

Íamos pro trabalho juntos, você me levava, pois tinha medo que eu andasse sozinha, me dava um selinho e tomava o rumo de seu serviço. Na hora do almoço, trazia a minha comida preferida, e falava que adorava almoçar comigo. Quando escurecia, e chegávamos em casa cansados, tomávamos aquele banho relaxante, e você me fazia aquela massagem que só você sabia.

Você pedia pra fazer o jantar, mas eu queria que você comesse a minha comida, mas sempre me ganhava com o eterno carinho de um homem perfeito. Depois assistíamos a um filme até cair no sono, ou quando estávamos sem sono, ficávamos conversando sobre a vida. Contando cada estrela do céu, e dizendo que meus olhos brilhavam como cada uma delas. Me fazia sentir uma paz interior, e falava que queria passar o resto da vida comigo.

No dia seguinte, pagava todas as contas e me levava pra um passeio especial. Eu dizia que não podia ir, pois tinha muito trabalho no escritório, mas eu mal sabia que você já tinha conversado com o meu chefe e preparado a minha semana de férias. Fomos a praia, brincávamos de pega-pega, riamos muito e consegui ver o mar pela primeira vez, você sorria com os olhos cheios de lagrimas. Dizia que eu fui o seu melhor presente, e me abraçava com aquela vontade de não soltar nunca mais.

Eu falava que você era a melhor pessoa do mundo, e você se emocionava. Você me completava, me dava segurança, era meu companheiro, meu melhor amigo, meu amante, meu confidente, a minha outra metade, parte de mim. Mas por razões que eu não sei quais são, você preferiu ser a saudade, a solidão, a lembrança, a dor, a lagrima, e a tristeza.


Photo postado em 24/08/2012 às 7:27pm | 2 notes | (reblogue this!)
Pra você o que é ser feliz?É ter tudo o que quer, ou fazer tudo o que quer?A felicidade verdadeira talvez não seja isso. Porque você pode fazer tudo, mas nem tudo lhe convém.Pra mim, ser feliz vai muito além de ter paz no coração. Ser feliz é você poder ter aquele encontro perfeito com Deus. Saber que você não está sozinha e que sempre haverá alguém pra te proteger! E eu sei que só com Ele serei eternamente feliz! *-*

Pra você o que é ser feliz?
É ter tudo o que quer, ou fazer tudo o que quer?
A felicidade verdadeira talvez não seja isso. Porque você pode fazer tudo, mas nem tudo lhe convém.
Pra mim, ser feliz vai muito além de ter paz no coração. Ser feliz é você poder ter aquele encontro perfeito com Deus. Saber que você não está sozinha e que sempre haverá alguém pra te proteger! 
E eu sei que só com Ele serei eternamente feliz! *-*


Photo postado em 17/08/2012 às 10:52am | 0 notes | (reblogue this!)
Página 1 de 25 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 »